terça-feira, 25 de abril de 2017

Mesa-Redonda A Venda de São Paulo como Política Pública: a Radicalização da Cidade como Negócio


A transformação de São Paulo de uma metrópole industrial para financeira vem acompanhada pelo empresariamento urbano em que os processos de reprodução econômica e espacial repousam fortemente nos negócios urbanos. As alianças entre o poder político e empresarial aparecem no discurso da gestão empresarial da cidade deteriorando o sentido do político e a relação do habitante com o espaço cotidiano. A “venda da cidade” e o espaço da metrópole como fonte de lucro e espoliação assumem na atual prefeitura de São Paulo sua radicalidade, na figura do prefeito como um gestor de ativos a serem mercantilizados no mercado internacional.

Inscrições
Evento público, com Lista de Espera.

(Público online não há necessidade de inscrição)

Organização
Grupo de Estudos Teoria Urbana Crítica

Programação
Ana Fani A. Carlos
Cibele Rizek
Isabel Pinto Alvarez
Vera Pallamin

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo


Nenhum comentário:

Postar um comentário